BUSCA PELA CATEGORIA "Brasil"

11 Dezembro 2017 - 10:44

Professora é morta a facadas por ex-namorado de 17 anos

Foto: Reprodução

Um adolescente de 17 anos foi apreendido suspeito de matar a facadas a ex-namorada, a professora Sidiney Rodrigues Carneiro, de 48 anos, em Águas Lindas de Goiás, no Entorno do Distrito Federal. De acordo com a Polícia Militar, testemunhas disseram que o menor invadiu a casa da vítima e a matou com mais de 10 golpes de faca. O assessor de comunicação da PM, o tenente-coronel Marcelo Granja, informou ao G1 que o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas quando chegou ao local constatou a morte de Sidiney. O crime ocorreu no sábado (9), no Setor 4 de Águas Lindas de Goiás. Segundo Granja, o adolescente arrombou a porta, mandou algumas pessoas que estavam com a vítima na casa irem para o quarto e levou Sidiney até a cozinha, onde ela foi assassinada. O menor foi apreendido horas depois, enquanto caminhava no Setor 2 da cidade, e, conforme a PM, confessou ter matado a mulher. Junto com ele foram apreendidos um notebook e uma arma de fabricação caseira. Testemunhas disseram à polícia que os dois tiveram um breve relacionamento e tinham terminado há alguns meses. O G1 entrou em contato com a delegacia da Polícia Civil de Águas Lindas de Goiás, que informou que o caso foi registrado e é investigado pela corporação.
 

09 Dezembro 2017 - 13:12

Lei pode criar CNH específica para motorista de carro automático

Foto: Reprodução

A Comissão de Viação e Transportes aprovou um Projeto de Lei que permite aos motoristas tirar carteira de habilitação específica para condução de veículos com câmbio automático. Caso seja aprovado pelo Congresso Nacional, o texto alteraria também o Código de Trânsito Brasileiro, com uma multa em caso de eventuais infrações. O projeto da deputada Mariana Carvalho (PSDB-RO) originalmente previa apenas a mudança para condutores de motocicletas. Porém o relator na comissão, Hugo Leal (PSB-RJ), apresentou um substitutivo. “Propomos estender essa possibilidade a todos os tipos de veículos. Afinal, além das motocicletas, motonetas e ciclomotores, a tecnologia do câmbio automático está presente também em automóveis, ônibus, micro-ônibus e caminhões”, pontuou Leal. De acordo com a revista Exame, o substitutivo sugere que haja mudança nos exames de direção, para que os habilitados tenham permissão de dirigir apenas veículos com câmbio automático. Assim, aqueles que tivessem essa categoria não poderiam conduzir carros com transmissão mecânica. Com a eventual mudança no Código de Trânsito, a penalidade seria equivalente a infração gravíssima, com multa e retenção do veículo. A proposta agora segue para a Comissão de Constituição e Justiça.

06 Dezembro 2017 - 12:47

CNH vai virar cartão com chip até 2019

Foto: Divulgação/Denatran

Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vai mudar novamente e abandonar o formato em papel para sempre para virar um cartão de plástico com microchip, que reunirá informações do motorista. Uma resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que será publicada ainda nesta semana, promete que a mudança será feita até 1º de janeiro de 2019, prazo final de adaptação dos Detrans estaduais ao novo modelo. Ainda não há informações sobre possíveis diferenças no valor para tirar ou renovar a carteira de motorista - cada Detran deve definir o valor no momento da adoção da tecnologia. Quem tiver o documento válido em papel não será obrigado a fazer a troca, que ocorrerá na hora da renovação.

CNH vai virar cartão com chip até 2019

Foto: Divulgação/Denatran

De acordo com o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, a nova CNH deve reduzir as fraudes e aumentar a durabilidade do documento, além de possibilitar integração com outros países. O formato de cartão inteligente se assemelhará a um cartão de débito/crédito convencional, com chip e gravação a laser dos dados do motorista. A novidade também abre as portas para que o documento se torne mais "universal", podendo (no futuro) servir para pagamento de pedágio ou transporte público, controle de acesso a prédios públicos e identificação biométrica (com cadastro das digitais no chip). Essas funcionalidades poderão existir por meio de convênios entre entidades públicas ou privadas com autorização do Denatran.

05 Dezembro 2017 - 23:29

AIDS: Brasil registra queda no número de casos e de mortes

Foto: Reprodução

Os casos de aids e mortalidade provocada pela doença estão caindo no Brasil, de acordo com a nova edição do Boletim Epidemiológico de HIV/Aids do Ministério da Saúde. A publicação indica que a taxa de mortalidade caiu cerca de sete por cento desde 2014, quando foi ampliado o acesso ao tratamento para todos. Segundo o ministro da Saúde, Ricardo Barros, os números demonstram a eficiência da política de assistência do Ministério da Saúde, que ampliou o diagnóstico do HIV e diminuiu o tempo de espera para o inicio do tratamento. “É este o trabalho que estamos fazendo, adquirindo medicamentos modernos, com mais investimentos, e com a mobilização da sociedade a, especialmente, convencer aqueles que sabem que têm o vírus e que não se tratam. São mais de 200 mil no Brasil que precisam ser engajados no tratamento que é gratuito e de alta qualidade. Os jovens são os que mais estão se expondo a infecção do vírus. Nossa portaria interministerial Saúde na Escola, que nos permitirá agir em conjunto com as escolas, vai nos permitir alcançar esse público, orientá-lo e, quem sabe, reverter essa tendência de crescimento da infecção entre os mais jovens”. O perfil da aids revelado pelo boletim do Ministério da Saúde não só aponta a redução de casos e de mortes pelo vírus HIV no Brasil. Também mostra que, nos últimos dez anos, a principal forma de transmissão da doença foi nas relações sexuais entre homem e mulher. Mas agora, a doença cresce especialmente entre homens que fazem sexo com outros homens. Para saber mais detalhes sobre o perfil da aids no Brasil, acesse www.saude.gov.br.

04 Dezembro 2017 - 20:08

Maioria dos municípios brasileiros declarou estado de emergência ou calamidade entre 2003 e 2016

Foto: Patrick Cassiano | Bahia Verdade

Quase metade dos municípios brasileiros teve que decretar estado de emergência ou de calamidade pública por conta da estiagem entre 2003 e 2016. É o que indica o relatório de Conjuntura dos Recursos Hídricos de 2017, divulgado nesta segunda-feira (4) pela Agência Nacional de Águas (ANA). Segundo o levantamento, a maioria das cidades que fizeram esse pedido fica na região Nordeste do país. A pesquisa feita pela agência indica que pelo menos 48 milhões de pessoas foram afetadas em todo país, com mais de 4 mil secas que causaram danos a população de maneira direta. Do total, 83% desses eventos se concentraram no Nordeste. Além disso, cerca de 18 milhões de pessoas foram atingidas pela estiagem. Além das secas, as enxurradas também prejudicaram muitas cidades. Enquanto a estiagem assolava a região Nordeste, as partes Sul e Sudeste do país sofreram com a força da água. Por isso, 47,5% dos municípios das regiões decretaram situações de emergência ou calamidade pública. O levantamento ainda aponta que 12% dos pontos analisados sobre a qualidade da água apresentaram resultados considerados excelentes, usando o índice de Qualidade das Águas como base. Já 13% foram classificadas como regulares, 9% como ruins e 3% de péssima qualidade. A pesquisa da agência também indica que mais de 67% da vazão média de consumo de água tem como destino a irrigação de plantações em todo o país.

04 Dezembro 2017 - 20:05

Balanço da ANP apresenta crescimento na produção de gás natural em outubro

Foto: Reprodução

O Brasil fechou o mês de outubro com um crescimento na produção de gás natural. De acordo com o último levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, a ANP, a produção de gás totalizou 115 milhões de metros cúbicos por dia (m3/d), um aumento de 0,5% em relação ao mês de setembro e de 5,6% em relação a outubro de 2016. Ainda de acordo com a ANP, a produção de petróleo registrou queda 0,9% em outubro, na comparação com o mês anterior. Já em relação com outubro de 2016 a produção aumentou 0,1%. O balanço da produção também apontou que o campo de Lula, em Santos, foi o que mais produziu de petróleo e gás natural, com uma média de mais de 800 mil barris de petróleo por dia e cerca de 34,5 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia. Os campos de extração marítima são responsáveis por quase toda a produção de óleo, 95,2% e cerca de 79% do gás natural. No pré-sal, a produção de outubro atingiu mais de 1,6 milhões de barris de óleo por dia, uma queda de quase 3% na comparação com o mês de setembro.

04 Dezembro 2017 - 08:20

Lula tem 34% e Bolsonaro 17%, diz Datafolha

Foto: Reprodução

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) despontam como favoritos a disputar o segundo turno da eleição para presidente em 2018. De acordo com pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (2), Lula possui 34% das intenções de voto, enquanto Bolsonaro registra 17%. Os outros nomes listados não chegam aos dois dígitos. Marina Silva (Rede) registra 9% das intenções de voto. Já Geraldo Alckmin (PSDB) e Ciro Gomes (PDT) chegaram a 6%. O Datafolha entrevistou 2.765 eleitores entre os dias 29 e 30 de novembro em 192 cidades. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O resultado coincide com o que já foi apresentado por uma pesquisa do Ibope divulgada no final de outubro, na qual Lula e Bolsonaro também aparecem à frente neste início de corrida pelo Palácio do Planalto. O Datafolha também questionou a intenção de voto sem apresentar os nomes dos candidatos. Nesse caso, Lula surge com 17% das citações e Bolsonaro, com 11%. Os demais não passaram de 1%.
 

24 Novembro 2017 - 12:51

Investigadores suspeitam que fortuna de Geddel era propina

Foto: Divulgação

Investigadores da Lava Jato suspeitam que os R$ 51 milhões encontrados pela Polícia Federal (PF) em um apartamento de Salvador que supostamente funcionava como uma espécie de sala-cofre do ex-ministro Geddel Vieira Lima são a soma de propinas vindas do PMDB, da construtora Odebrecht e do operador Lúcio Funaro. É a primeira vez que os investigadores fazem essa relação da origem do dinheiro. Geddel nunca esclareceu de onde saiu tanto dinheiro. Investigadores dizem que há claros indícios do crime de lavagem. O detalhamento foi incluído nas investigações sobre lavagem de dinheiro que estão no Supremo Tribunal Federal. Geddel está preso no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, desde setembro após a descoberta da fortuna, a maior apreensão de dinheiro vivo da história da PF.

23 Novembro 2017 - 12:33


Foto: Reprodução

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a afirmar na manhã desta quinta-feira (23) que está disposto a disputar as eleições presidenciais de 2018 e que confia que "quem salvou o Brasil uma vez pode salvar o Brasil" mais uma vez. Em entrevista à rádio 730 AM de Goiás, o petista declarou que "não vê possibilidade de não ser candidato". "Quero reviver os momentos felizes que tivemos no meu governo. Que fizeram todo mundo acreditar que esse país finalmente seria um país bom", disse o ex-presidente. Questionado sobre a operação Lava Jato, Lula ressaltou a atuação do governo petista para criar instrumentos que deram condições para que a operação existisse nos dias de hoje. "Ninguém fez mais do que o PT na criação de mecanismos pra apurar a corrupção. Agora é preciso que se puna os culpados e se absolva os inocentes. Você não pode pegar um instrumento como a delação e só aceitar se o cara citar o Lula. Você só pode condenar alguém quando se tem provas", declarou. Ainda sobre as eleições, o ex-presidente Lula fez críticas ao deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), pré-candidato à presidência. "O Bolsonaro já teve sete mandatos no Congresso e quer tentar dizer que não é político. O povo tem que observar essas coisas", afirmou. Questionado sobre um possível embate com o apresentador Luciano Huck, cotado para candidato à presidência, o petista comentou a possibilidade. "Não acredito que você possa encontrar alguém na sociedade e fora dos partidos políticos que possa salvar esse país. Tudo o que eu quero nas eleições é enfrentar alguém com o logotipo da Globo na testa. Tudo o que eu quero é disputar com um candidato que a Globo assuma para a gente vá para a disputa. Eu quero ver o que essa gente pensa e o que essa gente quer propor para o Brasil".

22 Novembro 2017 - 18:39

Mais de 3 mil prefeitos pedem socorro financeiro, em Brasília, na manhã desta quarta (22)

(Foto: Divulgação | UPB)

Começou na manhã desta quarta-feira, 22, a mobilização nacional de prefeitos brasileiros para pedir ajuda do governo federal. Diante da crise financeira, as prefeituras estão sem poder pagar décimo terceiro salário, honrar a folha de pagamento, assumir compromisso com fornecedores nem, muito menos, fazer investimentos nos municípios. Trata-se de um colapso total. A Bahia é o estado com maior representatividade no movimento – com 401 representantes. Ao todo, mais de 3 mil prefeitos se concentraram em frente ao Congresso Nacional e realizaram um ato em protesto.

21 Novembro 2017 - 12:48

Mudanças nas certidões de nascimento, casamento e óbito que passam a valer nesta terça (21)

Foto: Divulgação

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ)  promoveu mudanças em certidões de nascimento, casamento e óbito, e as mudanças  passam a valer  a partir desta terça-feira (21). Entre outras alterações,  há a possibilidade de incluir os nomes dos pais socioafetivos. Em todas as certidões o número do CPF passa a ser obrigatório. A intenção é que o documento se torne o número de identidade civil único. Além disso, as mudanças permitem que a certidão de nascimento indique como naturalidade do bebê o município de residência da mãe, em vez da cidade onde ocorreu o parto. Defensores das mudanças nas regras de registro argumentavam que pequenos municípios não têm maternidades, o que obriga as grávidas a se deslocarem para outras cidades para darem à luz.

16 Novembro 2017 - 18:32

Petrobras anuncia redução nos preços da gasolina e diesel nas refinarias

Foto: Reprodução

A Petrobras anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com queda de 3,80% no preço da gasolina nas refinarias e recuo de 1,30% no preço do diesel. Os novos valores valem a partir da sexta-feira (17). A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores. Em vez de esperar um mês para ajustar seus preços, a Petrobras agora avalia todas as condições do mercado para se adaptar, o que pode acontecer diariamente. Além da concorrência, na decisão de revisão de preços, pesam as informações sobre o câmbio e as cotações internacionais.
 

16 Novembro 2017 - 10:40

Mega-Sena: sorteio desta quinta pode pagar prêmio de R$ 29 milhões

(Foto: Patrick Cassiano | Bahia Verdade)

Um novo sorteio da Mega-Sena vai ser realizado pela Caixa Econômica Federal (CEF), nesta quinta-feira (16), em Amaro, São Paulo. O prêmio agora é de R$ 29 milhões para o apostador que acertar as seis dezenas. O sorteio do concurso 1.988 vai ser iniciado às 20h (horário de Brasília). Com uma aposta mínima de R$ 3,50, a probabilidade de levar o prêmio é de 1 em 50.063.860. Já para uma aposta com 15 dezenas, que é o máximo permitido, com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de ficar milionário é de 1 em 10.003. Os jogos podem ser feitos em qualquer lotérica do país até às 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio.

16 Novembro 2017 - 10:38

MP pede bloqueio de R$ 24 milhões de Lula e do filho caçula

Foto: Reprodução

A Procuradoria da República no Distrito Federal solicitou à 10ª Vara Federal de Brasília que sejam bloqueados R$ 24 milhões em bens e valores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do filho caçula, Luís Cláudio. Segundo informações da revista Época, o pedido é baseado em um desdobramento da Operação Zelotes e está relacionado à prorrogação de incentivos fiscais destinados a montadoras de veículos por meio de Medida Provisória editada pela administração petista e às negociações do governo brasileiro para a compra de caças suecos. Lula foi denunciado pelo Ministério Público Federal (MPF) por tráfico de influência, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Um dos empresários envolvidos no caso repassou R$ 2,5 milhões a uma empresa de marketing esportivo de Luís Cláudio. A defesa de Lula nega veementemente as acusações e argumenta que o repasse ao filho de Lula foi feito após ele prestar serviços na área. 

15 Novembro 2017 - 16:45

Governo defende contribuição de 44 anos para ter teto da aposentadoria

Foto: Reprodução

A nova proposta de reforma da Previdência, apesar de facilitar o acesso à aposentadoria em relação à versão anterior, pode vir com uma regra que reduz o valor do benefício de quem ganha acima do salário mínimo. A fórmula de cálculo em estudo pelo governo e pela Câmara, à qual a Folha teve acesso, exigirá 44 anos de contribuição previdenciária para o trabalhador receber o valor máximo do benefício. A regra prevê que o benefício para quem completar idade mínima e 15 anos de contribuição seja equivalente a 50% da média salarial do trabalhador. A mudança não afeta quem tem direito a um salário mínimo, que tem o valor integral garantido. Após os 15 anos de contribuição, a fórmula prevê o aumento de um ponto percentual por ano de 16 a 25 anos de contribuição; 1,5 ponto de 26 a 30 anos; 2 pontos de 31 a 35 anos e 2,5 pontos a partir de 36 anos de contribuição, com limite de 100%. O texto já aprovado pela comissão especial na Câmara exige 40 anos de contribuição para ter acesso ao valor máximo do benefício.